Perdi minha renda: o que fazer?

Publicado por daniela mainardi em

Em meio a pandemia, milhões de brasileiros enfrentam as dificuldades de estarem sem trabalho ou, de alguma forma, impossibilitados de trabalhar. Segundo o IBGE, em torno de 26 milhões de trabalhadores de renda média, que não tem acesso ao seguro-desemprego também não receberão o auxílio emergencial. Isso porque existe uma regra no programa que exclui pessoas que receberam valores maiores que o teto anual estabelecido pelo governo, correspondendo a 28,5 mil reais no ano de 2018. Milhões de pessoas perderam a sua renda e tiveram que se reorganizar financeiramente. Assim, a solução para muitas pessoas foi encontrar uma nova forma de gerar renda neste período.

Como fazer?

O ideal é começar pela sua casa. Então, faça uma seleção daquilo que você não usa mais e se encontra em bom estado para venda. Separe roupas, eletrodomésticos, eletrônicos, móveis e coisas que não estão sendo mais utilizadas. Contudo, você pode usar sites gratuitos de venda ou até mesmo as redes sociais.
Trabalhos temporários ou como freelancer(autônomo) são boas alternativas para quem busca vagas neste período. Além disso, este tipo de vaga também pode fazer com que a empresa contrate o trabalhador em tempo integral.
Quem possui comércio, pode fazer uma adaptação para vendas online. Além disso, pode usar plataformas gratuitas e que possibilitem a divulgação dos seus produtos.
Explore suas habilidades, no que você é bom? É possível oferecer cursos online e os mais diversos serviços de consultoria. Se sua habilidade for para cozinhar, você pode vender alimentos e doces na sua rua ou em seu condomínio. Já para quem possui carteira de habilitação para motos, o cadastro em serviços de entrega pode ser uma alternativa.

Como ser visto?

É muito importante você atualizar os seus contatos. Um bom networking é fundamental para gerar indicações. Então, peça para amigos e familiares ajudarem a divulgar o seu trabalho. Crie novas conexões através de redes sociais. Assim, faça com que as pessoas lhe conheçam e saibam o que você faz. Visto que sempre existe o conhecido de alguém que vá precisar da sua habilidade para resolver alguma coisa.

Planeje-se

Em tempos incertos e de renda instável é muito importante que você esteja alinhado com o seu orçamento para evitar surpresas desagradáveis. Se você tiver interesse em mais ideias de como lidar com as contas neste período conturbado, veja o nosso post 4 dicas para economizar durante a crise.


Você já nos acompanha nas redes sociais? Siga a Ubuntu Finanças no Facebook, Instagram e Linkedin e fique por dentro das novidades.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

um + 11 =