Número de investidores em criptomoedas cresce 80% desde janeiro

Publicado por daniela mainardi em

Cada vez mais investidores de criptomoedas

De acordo com o Investing, os investidores de criptomoedas aumentaram 80% desde o início deste ano. Esse dado foi revelado pela pesquisa do site crypto.com que sinalizou o alcance de, aproximadamente, 221 milhões de investidores. Assim, de acordo com a pesquisa, a adoção acelerada das criptos começou mesmo no fim do segundo semestre de 2020. Afinal, foi na mesma época em que o Paypal adicionou a forma de pagamento em criptomoedas para os usuários dos Estados Unidos.

Uruguai em busca do Bitcoin

Depois do Paraguai introduzir seu projeto de lei para o Bitcoin, agora foi a vez do Uruguai. Assim, a proposta de regulamentação foi feita pelo senador Juan Sartori, que defendeu as criptomoedas como uma grande oportunidade para o país. Além disso, a proposta também visa gerar mais possibilidades para a população. Segundo o Live Coins, ele comentou que “As criptomoedas são uma oportunidade de gerar investimento e trabalho. Hoje apresentamos um projeto de lei, pioneiro no mundo, que visa estabelecer um uso legítimo, legal e seguro nos negócios relacionados à produção e comercialização de moedas virtuais no Uruguai.” Do mesmo modo, para empresas locais e organizações estrangeiras que pretendem empreender é uma notícia promissora, pois mostra o país mais amigável ao Bitcoin.

Espanha pode autorizar Bitcoin em hipotecas

Sim, mais um país aderindo às criptomoedas de alguma forma, e agora é a Espanha. Isso porque o país recebeu um projeto de lei para pagamento de hipotecas através de Bitcoin. Além disso, também possibilitaria todo o setor imobiliário estar integrado às criptomoedas. A intenção do projeto é facilitar as formas de pagamento das dívidas, gerando mais possibilidades para a população. Do mesmo modo, a adoção de criptomoedas no setor imobiliário vem crescendo em todo o mundo, principalmente nos Estados Unidos. Afinal, recentemente, uma operação de refinanciamento no país deixou como garantia o Bitcoin pela primeira vez na história. Pode-se perceber que assim como os imóveis, criptomoedas também são considerados uma reserva de valor.


Você já nos acompanha nas redes sociais? Siga a Ubuntu Finanças no Facebook, Instagram e Linkedin e fique por dentro das novidades.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dois + 7 =